Inicio

Jair Bolsonaro apoia Neymar e revela o que fará quando encontrar o jogador: “Acredito nele”


Publicado em 05 do 06 de 2019 por Giovani Benedito de Sousa

Neymar vem passando por uma péssima fase na vida pessoal, o jogador está sendo acusado de estupro e agressão por uma jovem, porém o atleta recebeu um apoio de peso nessa quarta-feira, dia 5. O presidente Jair Bolsonaro disse que acredita no jogador, e que pretende estar presente no estádio Mané Garrincha, em Brasília para assistir o jogo amistoso entre Brasil e Catar. Partida a ser realizada as 21h30 (horário de Brasília), ele disse que dará um abraço no jogador do Paris Saint Germain.

Neymar Jr é acusado de estupro (Foto: Reprodução)


Bolsonaro afirmou que hoje deverá estar no jogo, e que pretender abraçar Neymar antes da bola rolar. O presidente comentou que o jovem jogador está em uma fase difícil, mas que acredita nele, e que estarão juntos hoje a noite, o presidente fez as declarações em Aragarças (GO), cidade essa distante a 380 km da capital Goiânia, O politico está no local por conta do lançamento de um projeto voltado a preservação do meio ambiente, no Dia Mundial do Meio Ambiente.

O jogador Neymar está passando por um momento conturbado em sua vida pessoal, na ultima sexta-feira uma mulher foi até delegacia em Santo Amaro e registrou um BO contra o jogador, ela o acusa de estupro e agressão, a jovem inclusive afirma ter provas dos fatos por ela narrados, como imagens e documentos que comprovariam o crime.

Na ultima segunda-feira, policiais foram até o Centro de Treinamento onde o jogador se encontra treinando para estreia na Copa América, o motivo da "visita" era intimar Neymar a prestar esclarecimentos pelo fato dele ter exposto fotos da mulher em postagem na internet onde se defende das acusações.

Aparentemente, Bolsonaro é um fã do jogador, em viagem a Israel em abril desse ano, Jair Bolsonaro enviou um vídeo para Gabriel Medina e Neymar desejando sorte aos dois. Na ocasião ele estava acompanhado do primeiro-ministro israelense, Binyamin Netanyahu, que por sua vez convidou os atletas a visitarem o país do oriente médio.

Veja também:




Fonte: TV Foco